04 outubro 2010

ELEIÇÕES NO BRASIL



Tenho a ligeira impressão que a minha participação efetiva em campanhas eleitorais está chegando ao fim, confesso que não há pachorra pra tanto absurdo, tanta barganha, tanta mentira, tanto descaramento, tanta compra e venda, tanto, tanto disse me disse. Devo retirar-me na tentativa de conservar um pouco a minha dignidade e a minha ética. Mas, claro, irei me despedir com todas as observações que achar necessárias sobre o cenário político nacional. Evidentemente dentro da minha mais absoluta ignorância política e político partidária, reservo-me o direito, apenas, de exercer a minha cidadania.
No cenário pernambucano começo por me admirar com o numero de abstenções: 30% é um número bastante elevado. Que resultado podemos tirar disso? Eu, entre outras opões, penso que os eleitores de Jarbas Vasconcelos preferiram ficar em casa a se violentarem diante das urnas.
A vitória de Eduardo Campos, além do reconhecimento da sua boa gestão é também o resultado da grande rejeição ao seu adversário. Nossa maior vitória, entretanto se deu no senado federal. De uma vez por todas, assim espero, se despede do cenário político pernambucano e brasileiro o grande representante dos idos tempos da ditadura e da extrema direita no Brasil, ex-deputado, ex-governador biônico, ex- senador, ex-vice presidente da república do governo Fernando Henrique, o senhor Marco Maciel.
Elegemos ainda para deputados federais e estaduais algumas pessoas que temos a certeza que darão conta do recado, o que nos dá um certo alívio, e infelizmente pelo meio destes há inúmeros candidatos eleitos pela mais absoluta alienação do povo pernambucano, que diga-se de passagem é um dos mais politizados do Brasil, nem vou comentar a eleição por mais de 1 milhão de votos do palhaço Tiririca em São Paulo.
Ressalto que as Igrejas têm e tiveram grande participação no papel de “deformador” de opinião.
Ah... a eleição presidencial?! A este cenário irei me dedicar nos próximos dias com a dedicação de quem dá o ultimo fôlego antes da morte. Aguardem!

Liliana Miranda
04.10.2010

5 comentários:

Salomão disse...

Voto para que te candidates porque com pessoas como tu, com teu carater, honestidade, competencia, talento, criatividade e conhecimento o Brasil estaria muito bem servido.

DEBATES:
mesmice de sempre, com tempo ridículo para se falar de maneira séria sobre qualquer assunto.

mesmice quando falam " o sr(a) não respondeu a minha pergunta "

CANDIDATOS:
Tiririca
Netinho
Mulher Pera
Romario
Bebeto
Danrlei
Marques
Vampeta
Agnaldo Timoteo
Reginaldo Rossi
Simoni
Maguila
Popó
Leando do KLB
Kiko do KLB

Será que se não fossem estes nomes famosos, eles receberiam algum voto?

Carlos Mesquita disse...

Amiga: a coisa aqui e aí tá preta. Preta mesmo! Olha, deixo-te uma canção para sambarmos e rirmos e chorarmos.
http://www.youtube.com/watch?v=9jM07LOV_as
E esta, que ainda me magoa mais: http://www.youtube.com/watch?v=CYkodkdpo1Y
E para terminar: http://www.youtube.com/watch?v=PsJpeR2K-is
Vamos em frente! Levantar a cabeça! Lutar! Lutar! Mesmo que nunca vejamos a vitória!

Carlos Mesquita disse...

Olha e mais esta, pois eu queria estar na festa, pá, com a tua gente e colher pessoalmente uma flor do teu jardim! Sei que há léguas a nos separar, tanto mar, tanto mar, sei também quanto é preciso, pá, navegar, navegar http://www.youtube.com/watch?v=hdvheuHhF2U
Abraço fraterno, de olhos no horizonte para dias mais felizes!

Salomão disse...

OLHO VIVO E ATENTO
A Julieta manda um beijo para os teus um beijo na família, na Betinha e nas crianças, Paulinho aproveita pra também mandar lembranças....
Beijos ahahahahahah

lualil disse...

Shloime querido,
Eu me candidatar? com essa paciencia toda que me é peculiar?! ahahaha não sei se teria um unico eleitor!! Na verdade, até mesmo a minha participação deste lado de cá da política está chegando ao fim. Deixo o espaço para os mais novos,com visões mais inovadoras e muito mais disposição excetuando, claro, todos estes desta lista que citaste!

beijos


Carlos,
É, a coisa anda se não preta, meio difusa, confusa o que me parece talvez fazer parte de todo este processo de mudança, de ordenamento das coisas. Teoria do Caos? Efeito borboleta?
Mas uma coisa é mais fácil de entender: a sensibilidade que muitos tem para poetizar momentos os mais variados possíveis! Muito boa a partilha!
Obrigada,beijos e claro, AVANTE sempre!!!